Publicidade

Controle Contabilidade

;

SUPER SHOW GOMES

terça-feira, 28 de junho de 2011

Dep. federal Fátima Bezerra (PT-RN)

Educação


Fátima cobra do ministro Haddad uma solução para a situação dos Colégios de Aplicação

Brasília, 29 de junho de 2011

Na reunião de hoje com o ministro da Educação, Fernando Haddad, a deputada federal Fátima Bezerra pediu uma solução para a falta de professores nos 17 Colégios de Aplicação (CAp) vinculados às universidades federais. A deputada entregou a cópia de um ofício elaborado pela diretora do NEI (Núcleo de Educação Infantil da UFRN), Suzana Medeiros, em que ela relata a situação do colégio e dos demais CAPs. O ministro esteve na Comissão de Educação e Cultura para falar do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PL 1209/11), que ampliará o número de cursos profissionalizantes no país.

No NEI, por exemplo, faltam professores e os que foram contratados em regime de substituição estão com seus salários atrasados. Em protesto, os professores do NEI paralisaram suas atividades de 8 a 20 de junho. “Além de atenderem os filhos da comunidade universitária, os Colégios de Aplicação são importantes espaços de pesquisa acerca da educação infantil, sem contar que prestam um atendimento escolar de excelência”, argumentou a deputada Fátima Bezerra.

Ela explicou que está na mesa da ministra do Planejamento, Miriam Belchior, a minuta de uma portaria autorizando a contratação de professores para solucionar a crise. “É preciso que esta portaria seja editada”, defendeu Fátima Bezerra.

Greve nas Universidades – A deputada também pediu que o ministro busque uma solução para a greve dos servidores administrativos das universidades federais, que já está no 29º dia. “É importante que o governo apresente uma proposta”, pontuou.

A pauta salarial da Fasubra (Federação dos Sindicatos de Trabalhadores em Educação das Universidades Brasileiras) reivindica a apresentação de recursos orçamentários para serem alocados no piso da tabela salarial para 2011 ou 2012; propostas que contemplem o vencimento básico complementar, e reposicionamento de aposentados com ampliação de direitos; propostas concretas sobre a racionalização dos cargos, reajuste de benefícios em 2011.


Fátima Bezerra foi a parlamentar que mais apresentou emendas ao PNE

Brasília, 28 de junho de 2011



A Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação) apresentou hoje de manhã (29/6), em Brasília, numa coletiva de imprensa, um Banco de Dados das emendas ao PL 8035/ 2010, que trata do Plano Nacional de Educação. A Undime revela, por exemplo, que 87 deputados apresentaram emendas, o que representa 17% do total. Outro fato que chamou a atenção é que a emenda mais repetida foi a que pede a laicidade nas escolas públicas, com dezessete apresentações. A deputada Fátima Bezerra foi a parlamentar que mais apresentou emendas, 514 no total.

Além de defender os 10% do Produto Interno Bruto (PIB) para a educação e a destinação de 50% do fundo social do pré-sal para o financiamento da área, Fátima Bezerra sugeriu mudanças na meta 17, que trata da valorização dos profissionais do magistério. “Queremos que a remuneração seja equiparada a dos demais profissionais com nível superior, e não ‘aproximada’, como defende a proposta original do governo”, argumentou a parlamentar.

A deputada subscreveu propostas de emendas apresentadas por entidades como UNE (União Nacional dos Estudantes), Ubes (União Brasileira de Estudantes Secundaristas), Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação), pela Campanha Nacional pelo Direito à Educação, e pela CNTE (Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação), Fasubra, Proifes, Secretaria de Políticas para Mulheres e Secretaria de Políticas de Promoção de Igualdade Racial, entre outras organizações.

“A nossa intenção, ao abraçar as propostas das entidades, é provocar a discussão. Quanto mais debatermos, maiores as chances de termos um PNE para valer, com mais recursos e envolvimento da sociedade na defesa de uma educação pública de qualidade”, defendeu Fátima Bezerra. 

O mandato da deputada Fátima Bezerra foi representado na coletiva de imprensa pela assessora parlamentar Márcia Abreu. Falaram aos jornalistas a presidenta da Undime, Cleuza Repulho, os deputados Angelo Vanhoni (PT/PR), relator do PL e Gastão Vieira (PMDB/MA), presidente da Comissão Especial do PNE; Daniel Cara, coordenador-geral da Campanha Nacional pelo Direito à Educação; Maria do Pilar Lacerda, Secretária de Educação Básica do Ministério da Educação e Roberto Leão, presidente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação. A vice-presidenta da Undime, Maria Cecília Amendola da Motta também participou da coletiva.

Mais informações sobre o Banco de Dados podem ser obtidas no site www.undime.org.br. Lá, é possível saber as emendas apresentadas pelos parlamentares ao PNE, divididas por metas e estratégias.

 
Assessoria de Imprensa
Dep. Federal Fátima Bezerra - PT/RN
Rejane Medeiros - (61) 3215-5236 / (61) 8218-3853 / (61) 9983-5196
Pedro Filgueira - (84) 3222-1313 / (84) 8899-7236 / (84) 9165-8459

Nenhum comentário:

Postar um comentário